Caruaru teve 2,8 mil postos de trabalho desativados de março a agosto, apontam dados do Ministério do Trabalho

Caruaru teve 2,8 mil postos de trabalho desativados de março a agosto, apontam dados do Ministério do Trabalho

Mesmo com a pandemia, a economia começou a reagir de forma sustentável a partir do mês de setembro, conforme informou o Ministério do Trabalho, em Caruaru.

Foto: Lafaete Vaz/G1

Caruaru, no Agreste de Pernambuco, teve 2.818 postos de trabalho desativados de março a agosto, conforme mostram os dados do Ministério do Trabalho.

Apesar das demissões, o Ministério destacou que “a economia, ao que tudo indica, mesmo com a pandemia, começa a reagir de forma sustentável” a partir do mês de setembro.

De acordo com os dados que foram divulgados, em março foram desativados 979 postos de trabalho; em abril o número subiu para 2.020 demissões; nos meses de maio e junho os números diminuíram para 546 e 229, respectivamente.

Em julho foram registradas 415 admissões e em agosto foram gerados 541 empregos no município.

Por G1 Caruaru.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.